Junte-se ao grupo de assinantes e receba dicas, e-books e artigos do HypnoPlace.



Hipnose para ansiedade: um guia completo

Quem nunca desejou ter um guia completo de hipnose para ansiedade para conseguir se livrar de uma vez por todas desse mal? Você já teve aquela sensação do coração querer sair pela boca?  Ou aquele frio na barriga igual ao da montanha-russa?  Sem mencionar os zilhões de pensamentos que fazem sua mente rodar a mil por hora?

Se você se identificou com estas perguntas, muito provavelmente você faz parte dos mais de 18 milhões de brasileiros que sofrem de ansiedade. Mas não se chateie, afinal, o Brasil é um dos países mais ansiosos do mundo  e, de acordo com a OMS, esse número aumentou muito por conta da pandemia do COVID-19 e do isolamento social.

Mas será que a ansiedade tem cura? Por que a hipnose é tão eficaz no tratamento da ansiedade? É só continuar lendo para entender melhor sobre os efeitos da hipnose para ansiedade.

 

hipnose para ansiedade: um guia completo

Fonte: Pixabay

Eu sinto ansiedade, será que sou normal?

É sim! O primeiro passo desta jornada é desconstruir a ideia de que todos temos que ser “normais”, sem medos, ansiedades ou angústias. Esqueça já esta ideia de que a pessoa que sente ansiedade precisa ser “consertada”.

A ansiedade é apenas uma reação fisiológica do seu organismo mediante uma situação de perigo e que pode ser muito útil. Ela é um mecanismo fruto de anos de evolução da espécie humana e que te prepara para fugir de uma ameaça ou se defender, portanto, ela é parte de quem você é!

Além disso, a mesma sensação de ansiedade que você sente quando está preocupado (com uma prova ou com as contas para pagar), é fisiologicamente idêntica àquela que você sente quando está muito eufórico (como quando chega uma notificação de mensagem do ‘crush’ te chamando pra sair ou você recebe a notícia de que ganhou na loteria).

De acordo com a neurocientista Lisa Feldman, nossas emoções são construídas ao longo de nossas vidas.  Nós captamos o mundo através dos 5 sentidos, interpretamos com base em nossas experiências de vida e atribuímos à elas um sentido bom ou ruim.

 

Quem veio primeiro: o ovo ou a galinha?

Quem sofre de ansiedade geralmente tem dificuldade para identificar o que acontece primeiro: se são os pensamentos negativos que chegam e causam o aumento da ansiedade ou se a ansiedade que vem primeiro e desencadeia os pensamentos negativos.

Essa confusão é normal, de acordo com a neurociência a ansiedade pode nascer de dois caminhos distintos:

– Do córtex (que reage diretamente nos pensamentos)

– Da amígdala (que reage diretamente no corpo e não passa pela consciência)

Podemos comparar a crise de ansiedade com um ventilador em funcionamento, onde não conseguimos distinguir as hélices separadamente, vemos apenas um círculo que gira freneticamente, cujo resultado é uma rajada de vento. Por isso o primeiro passo é desligar o ventilador e entender como a ansiedade acontece em você, trazendo clareza dos gatilhos para depois tratar a origem do problema. (baixe aqui uma tabela que vai te ajudar a mapear sua ansiedade).

 

Será que eu preciso de um terapeuta?

Sessão de hipnose para ansiedade

Fonte: Freepik

Para sair do julgamento da ‘normalidade’ e entender se você precisa de ajuda profissional, é importante avaliar o quanto que ansiedade impacta na sua vida.  Avalie os três pontos abaixo numa escala de 0 a 10 para entender se você está deixando de ser ‘funcional’ por conta da ansiedade:

  1. O quanto ela interfere nos meus objetivos de vida;
  2. O nível de sofrimento gerado quando acontece uma situação de ansiedade;
  3. A frequência com que este problema acontece;

Depois de fazer esta análise, se você acredita que sua ansiedade está impedindo você de ter uma vida mais plena e feliz, é hora de buscar ajuda e compreender que a hipnose para ansiedade é a técnica que proporciona os resultados mais rápidos e eficazes.

Como funciona a hipnose para ansiedade na prática?

Antes de mais nada é muito importante escolher um bom hipnoterapeuta que irá avaliar a melhor técnica para tratar o seu caso, lembre-se cada ser humano é único e o que serviu para você não necessariamente vai servir para o outro.

A primeira sessão costuma ser a mais longa, o hipnoterapeuta faz uma indução que leva o paciente a um estado de transe, isso é feito geralmente através de sugestões de relaxamento. Em seguida, são dadas novas sugestões para evocar o que chamamos de “estado do problema”.

Por trás de todo o sintoma existe uma emoção oculta, esta emoção servirá de “GPS” no mapa da mente para o hipnoterapeuta identificar qual é a trilha neural que sustenta o sintoma de ansiedade. Depois disso são identificadas as memórias, emoções e pensamentos que sustentam e desencadeiam as crises.

Como a hipnose para ansiedade funciona

Fonte: Freepik

A partir daí são trabalhados três pilares:

A dessensibilização: os fatos que antes geravam ansiedade são trabalhados para que tragam pouco ou nenhum impacto na pessoa. É como se ela se habituasse à situações similares as quais deixam de ter importância.

A ressignificação:  damos uma nova interpretação às coisas que aconteceram, trazemos novas emoções, sentimentos e evocamos o então chamado “estado de recurso”.  É como reativar uma estrada antiga na mente, que era pouco utilizada, e levará o paciente ao destino desejado.

A psicoeducação: nesta etapa proporcionamos ao paciente o empoderamento de enfrentar situações que antes ele considerava impossível.  Na prática da psicoeducação ele vai aprendendo que tem dentro de si todas as ferramentas que precisa para enfrentar o problema, sabendo onde, como e quando acessá-las.

O resultado da primeira sessão já é significativo, pois trabalhamos a reconsolidação terapêutica da memória, o passado visto com as lentes do presentes, trazendo mais clareza e segurança.

Nas sessões subsequentes, que  variam em tempo e quantidade, o trabalho feito é para fortalecer as novas programações mentais no paciente, ensinar técnicas de autossugestão para enfrentamento da ansiedade, uso de auto-hipnose para relaxamento progressivo e controle da fisiologia evitando assim novas crises.

Após poucas sessões é possível ter resultados excelentes e que trazem impacto positivo em todas as áreas da vida do paciente, ele se mostra mais autoconfiante, independente, seguro, empoderado e no controle das suas emoções. Os efeitos colaterais positivos da hipnoterapia para ansiedade reverberam por toda sua estrutura psicológica e emocional.

Quer saber mais sobre sobre hipnose para ansiedade e outras formas que a técnica pode te ajudar? Aqui no portal da Hypnoplace você vai encontrar muito conteúdo! E, se tiver dúvidas, mande uma mensagem pra gente!

 

Psicóloga, hipnoterapeuta Omni, practitioner em PNL e coach da mente.  Membro IBHEC (International Board Of Hypnosis Educational & Certification).  Pós-graduada em Gestão Estratégica de Pessoas, especializou-se em Transe Conversacional com Elisabeth Erickson, Neurociência aplicada ao comportamento humano e Psicologia positiva.   Acredita que o sentido da vida é encontrar o seu dom, e o propósito da vida é oferecê-lo, por isso, atua há 20 anos com desenvolvimento humano. É empresária e fundadora da Epopéia Ltda. Embaixadora da Rede Mulher Empreendedora em Campinas.  Voluntária Humanitarian Coaching Network que provê serviços de coaching para líderes da ONU e UNICEF.

X